sábado, 7 de abril de 2012

FELIZ PÁSCOA


O Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo ( imagem google)
texto márcio josé rodrigues

Em nossos tempos de criança, a Semana Santa era como uma sombra de medo que pairava sobre nossas cabeças.
Na Sexta-feira Santa, Deus estava morto e o demônio tomava conta do mundo, sozinho.
Quando acordávamos na manhã de sábado, era como um dia de libertação do fardo, esperança, desafogo, dia de malhar o Judas e castigá-lo pele traição. Ninguém queria ser chamado por esse nome e por causa dele oíávamos os judeus.
Judiar era verbo de maldade, falta de compaixão.
Odiávamos Judas e amávamos Jesus.
 Mas... Jesus, Nossa Senhora e São José eram judeus e isso complicava um pouco nossas cabecinhas.

No domingo acordávamos cedo e nem sequer tomávamos café da manhã. Era uma  correria para o quintal, à procura da cesta que o "Coelhinho da Páscoa" deveria ter escondido em algum lugar.

Depois, a missa das crianças na Matriz.

Sabíamos, no entanto, que o Cordeiro havia vencido a morte, ressuscitado vitorioso.
Com isso estava aberto para todos nós o caminho da eternidade pelos méritos da Paixão, Morte e Ressurreição de Jesus.

Talvez tenhamos fixado em nossos corações para sempre, a imagem de JESUS RESSUSCITADO, através do carinho dos nossos pais , tios e avós, naquelas lindas cestas enfeitadas e cheias de ovos de chocolate trazidos de madrugada pelo coelhinho da Páscoa.

Com aquela didática de amor e ternura, ficou tão gostoso a gente continuar amando JESUS nos dias de hoje,

FELIZ PÁSCOA.



3 comentários:

Asta Peressoni Teixeira Ramos disse...

...Velhos tempos,belos dias...
Com esse artigo,conseguiste me fazer regredir uns
sessenta anos atrás,para a minha velha Tenente Bessa,onde encontrei a Vó Caetana,o meu pai,a minha mãe e os meus tres irmãos.Vi todos os meus parentes e amigos,senti cheiros e ouvi sons que
estavam encobertos,mas não mortos.
Obrigada,meu querido Márcio,muito obrigada.

Márcio Rodrigues disse...

Asta, que alegria. Visite sempre o blog e não deixe de postar seus comentários.
Um abração. Feliz Páscoa.

Márcio Rodrigues disse...

Querido Márcio,

Tenho tido dificuldades de postar meus comentários em teu blog. Os que tenho feito têm se perdido sem aparecer postado. Hoje de novo, só que tirei uma cópia que vai como email. Se puderes posta lá em Semana Santa. Tb não recebi mais nenhum email teu. Deve ser problemas de internete mesmo. Um abraço do Jota sempre mano - amigo.

Meu amigo,
Só agora, pude procurar no teu blog, sabendo que algum escrito sobre páscoa e semana santa iria ser postado ali. Li,com saudades, das pessoas e das festas ibero-açorianas do Imaruí e da Laguna, inesqucíveis para quem delas participou, principalmente em nossa juventude,então,acompanhados de nossos pais, tios e avós, todos ou quase todos já celebrando eternamente a Páscoa com o Jesus-Ressucitado. Um pouco delas revivemo-las hoje junto aos nossos filhos e mais ainda em nossos netos, sempre ávidos da páscoa dos chocolates, mas atentos às histórias sagradas que lhes transmitimos e que um dia entederão também.
Muito obrigado por mais uma linda crônica evocativa de nossa história. Um abraço do Jota