LAGUNA.

NÃO VERÁS LUGAR COMO ESTE.
AMA DE VERDADE
A TERRA EM QUE NASCESTE

quinta-feira, 20 de dezembro de 2012

FELIZ NATAL

Ocaso sobre a lagoa de Santo Anônio - Laguna, Brasil     foto Ronaldo Amboni


Que este magnífico por do sol sobre a lagoa de Santo Antônio dos Anjos da Laguna possa lhe trazer mensagens de paz e harmonia ao seu coração, ao contemplar a beleza inspirada de Deus em um de seus grandes momentos de amor.

E que seu Filho, o Menino de Belém, que sorridente nos olha há mais de trezentos anos, dos braços de Santo Antônio, lhe propocione um santo Natal pleno desta luz que o Pai Eterno nos dispensa todos os dias sobre a velha cidade.

FELIZ NATAL
FELIZ ANO NOVO
.

Laguna, Natal de 2012.

texto e postagem márcio josé rodrigues.
Posted by Picasa

segunda-feira, 17 de dezembro de 2012

MARCO BOCÃO- VIAGENS



Esta fotografia feita no dia 08 de dezembro de 2012 retrata o patriotismo e entusiasmo de nosso grande fotógrafo e aventureiro MARCO BOCÃO, em viagem recente ao Chile e Argentina.

 Na cena em foco, temos nosso personagem na cratera do vulcão Villa Rica em Pucon, Chile.

Estou provocando meu amigo para escrevermos um livro sobre suas viagens e cenas pitorescas, algumas hilárias e outras dramáticas.
Quem sabe, um dia...

Foto Marco Bocão
Texto e postagem Márcio José Rodrigues.

terça-feira, 11 de dezembro de 2012

CAMPANHA DO CIMENTO

IRMÃ MARIA DE CIMENTO PARA TOCAR A OBRA DA CRECHE DE BARBACENA.
ENTRE  NESTA RODA E DOE UM SACO DE CIMENTO DE PRESENTE DE NATAL PARA IRMÃ MARIA.
BASTA DEIXAR PAGO EM UMA LOJA DE MATERIAIS DE CONSTRUÇÃO QUE ELES ENTREGAM,

foto Dirlene  Bergmann
PROMETO MELHORES DETALHES.

quinta-feira, 22 de novembro de 2012

CASA DA GENTE



este é um convite irrecusável
para uma noite divertida entre amigos
música, bons papos, tira-gostos e uma  cerveja gelada.

DEK 901
MAR GOSSO 
QUARTA FEIRA 28/11 às 20:00 h 

Uma noite de autógrafos com  autores do Grupo Carrossel das Letras e República dos Autores, focando o livro 
"TÃO LONGE TÃO PERTO III"

O evento visa auxiliar IRMÃ MARIA na construção da 
CASA DA GENTE
creche e escola no bairro Barbacena em Laguna.

sexta-feira, 9 de novembro de 2012

O SENHOR DAS ARACUÃS


Texto porMàrcio José Rodrigues

Aracuã é uma ave galiforme, Ortalis guttata,  comum em Laguna, Brasil, onde existem ainda alguns bandos nas poucas matas das colinas que circundam a cidade.
De cor marrom, camufla-se perfeitamente com a folhagem do arvoredo. Chega a medir 50 cm e pesar até 700 g e por isso muito caçada e em risco de extinção.
Seus gritos são ouvidos em época e acasalamento e em situação de alarme.
Costumam anunciar com antecedência a mudança dos ventos se sul para nordeste e vice-versa, conforme cantem pela manhã ou à tardinha.
A Aracuã, por sua beleza e seus gritos alegres, bem que poderia ser oficializada como ave símbolo da cidade e todas as matas do seu habitat serem tombadas como reserva ecológica intocável.

FABIO LUZ,  o Pirata, é curitibano radicado em Laguna e dedica-se como artista, entre a performance de bucaneiro e artista plástico desenhista, exímio caricaturista em trabalhos a crayon, além de pintura. Costuma circular pelas praias da cidade e em localidades em festa ou eventos nos municípios do sul, onde executa seus desenhos “a la prima”. Sua parceira em muitas andanças ciclísticas é sua filha GIOVANNA de 6 anos, que o acompanha em brincadeiras e está se revelando como uma fotógrafa precoce.

O que o “Pirata” tem a ver com as aracuãs?
É que entre eles formou-se um admirável laço de confiança que as faz virem comer em sua mão, nos fundos de sua casa na orla da mata do bairro Campo de Fora. As fotografia tiradas por Giovanna e Fábio falam por si mesmas.




quinta-feira, 1 de novembro de 2012

CHAMAS

Imagem Google

por José Fidalgo

Inflaste a chama que flameja
E clama por uma palha
Sem que caiba o que não calha
E que arde sem sobejo.


Por detrás de tanto esforço
Um pedaço de desejo
O clamor de um solfejo
Então canta sem remorso


Cada qual na sua medida
Cada riso, cada gesto
Sem medir qualquer palavra.


Quem dera, uma despedida
Um adeus, ou um regresso
Nada em vão, pois tudo passa.


SOBRE JOSÉ FIDALGO*
poeta lagunense da nova geração, acadêmico da Universidade Federal e Santa Catarina.
* pseudônimo

sexta-feira, 26 de outubro de 2012

LAGOINHA

Praia do Mar Grosso - Laguna, Brasil
                                                                                            texto e foto Ana Maria Bastos Milioli


lagoinha

que se formou 

na areia da praia

o vento cria

ondulações

coisas da beira mar!






ANA MARIA BASTOS MILIOLI

Portuguesa radicada no Brasil em Laguna

é empresária, fotógrafa amadora
poeta espontânea

quarta-feira, 17 de outubro de 2012

SABEDORIA NO BRASIL

Imagem Google

                                                            texto Márcio José Rodrigues

Descobri!
O Brasil não curte sabedoria.

Por isso os professores não merecem consideração.
O Governo considera o professor um estorvo.
A família o considera como babá de luxo.

Escola é crechão de marmanjos para cuidar dos pimpolhos por algumas horas por dia.
Melhor se vier a tal escola integral com comida e tudo.
De preferência, de graça!

Greve é uma droga porque os filhos ficam em casa.
Salário de professor está bom até demais.

Futuro dos filhos?
Deixa pra lá...

LITORAL SUL BIG BAND - ESTRÉIA

       
                                               Texto M´rcio José Rodrigues


Onde andam as grandes orquestras no estilo Severino Araújo, Tabajara, Ray Conniff, Paul Mauriat, Billy Vaughn, Glen Muller, tão sofisticadas e ao mesmo tempo tão harmoniosas, lindas de ouvir e gostosas para embalar um casal  apaixonado num baile de verdade?
O advento da música eletrônica praticamente invadiu os salões e os grandes espaços para volumes ensurdecedores dando lugar a pequenas bandas que se sustentam na base de gigantescas caixas de som e muitas vezes mascarando a falta de talento com técnicas de gravações alheias escondidas por trás das execuções.

Pois bem.
Chegou LITORAL SUL BIG BAND com um programa  e renovação de proposta baseada na competência de grandes instrumentistas, harmonia de conjunto e repertório de primeira linha.
Este é um acontecimento sem paralelo para a arte e a cultura da região e marca para a geração atual uma experiência de uma música que estava sendo roubada dela.

Eis o naipe da grande novidade para todos nós.

Direção Musical: Jean Carlos da Silva Rodrigues.
Saxofones:
1) Rudmar de Aguiar Rousseng – Sax Alto / Clarinete
2) Ramon Deivis – Sax Alto
3) Bruno Jeremias Fernandes – Sax Alto
4) André Nunes – Sax tenor
5) Rodrigo Parente ‐ Sax tenor
6) Fabio Souza Teixeira – Sax Barítono
7) Paulo Vinícius Rampinelli – Sax Alto/ Sax Soprano
Trompetes
8) Jean Carlos da Silva Rodrigues
9) Wander Luiz
10) Luiz Eduardo
10) Miguel J. Cardoso
Trombones
11) Marco Aurélio Martins
12) Gregory Bernardini Duarte
13) Luiz Henrrique Zanini Matos
14) Rafael Henrique
15) Leonardo Rochandel
Instrumentos de Base
16) Gabriel Bertuol ‐ Guitarra
17) Ricardo Vieira ‐ Baixo Elétrico
18) Paulo de Oliveira ‐ Piano
19) Ronaldo ‐ Bateria
20) Alexandre – Percussão

ESTRÉIA 
26 DE OUTUBRO - SEXTA FEIRA 
20:00 CLUBE ATLÂNTICO  - MAGALHÃES
ENTRADA 2KG DE ALIMENTO NÃO PERECÍVEL
Em benefício da Rede Feminina de Combte ao Cancer












sexta-feira, 12 de outubro de 2012

SOBRE O DIA DO PROFESSOR

Alunos da professora Arlécia em 1964 no Grupe Escolar Jerônimo Coelho, Laguna - Brasil
O sorridente de braços cruzados, de pé, ao centro é Marcinho Rodrigues.

                                                                                                                                texto e foto márcio josé rodrigues

O que os professores têm a comemorar no Dia do professor no Brasil?
Um feriado, um dia de preguiça, uma fuga da rotina maçante em salas de aula, do stress constante de poderem ser agredidos ou mortos?
Comemorar um dos piores salários do mundo?
Enquanto em São Paulo (para citar o estado mais rico do país) um professor do ensino Básico percebe em torno de 10,2 mil dólares por ano, na Suíça recebe 102 mil dólares ou 10 vezes mais.
Os dez sistemas educacionais mais eficazes do mundo, China, Coréia do Sul, Singapura, Japão, Nova Zelândia, Austrália, Canadá, Finlândia, Estados Unidos, Holanda centram seus esforços sobre a escola pública de ensino básico e a qualificação dos professores e onde os alunos permanecem em média desde o pré-escolar até os 18 anos de idade, quando saem altamente qualificados para a universidade.
O sistema educacional dá liberdade aos professores, mas mantém um rígido controle sobre o rendimento dos alunos, ou seja: paga bem, mas exige uma contrapartida de eficiência do professor.
Em todos eles o professor é altamente valorizado, o que torna a carreira atraente e disputada, permitindo uma seleção de alta qualidade.
Acredito que o Brasil precisa rever seus conceitos entre economia e educação.
- Escola pública gratuita de altíssima qualidade para todos;
            (Liberdade para opção entre escola pública e particular a critério dos pais)
- Formação esmerada de professores, aperfeiçoamento contínuo e controle de rendimento;
(Controle rígido sobre a qualidade dos cursos formadores de professores e alto grau de dificuldade para ingresso na carreira)
- Salário atrativo, tornando a carreira disputada por educadores;
- Contrapartida de responsabilidade de pais e alunos e seus deveres com a educação;
 - Segurança de professores e alunos nas escolas.

O resultado desse investimento em educação foi a elevação daqueles países acima mencionados como as melhores economias do mundo, ou seja: eles têm boa educação, não porque são ricos.

ELES SÃO RICOS PORQUE TÊM EXCELENTE EDUCAÇÃO.
FELIZ DIA DO PROFESSOR

DIA DA CRIANÇA



                          texto por márcio josé rodrigues - imagens google
Ministro Joaquim Barbosa, Presidente eleito do Supremo Tribunal Federal do Brasil, foi uma criança pobre que chegou ao mais alto posto da justiça brasileira, um dos três personagens mais poderosos do país, graças a uma primorosa formação moral e outra intelectual, centrada em valores recebido pela educação familiar e daquela fornecida por uma escola de qualidade.

Quando pensamos em compensar crianças em dia dedicado a elas neste 12 de outubro (até porque, no fundo tenhamos medo de não agradá-las à altura) talvez lhes demos presentes, guloseimas, roupas novas e lhes dediquemos na mídia programas especiais com muita música e shows artísticos. Alguns deles usarão métodos subliminares para arrecadar dinheiro e doações em nome delas.

BRASIL, ACORDA! 
CRIANÇA PRECISA DE INVESTIMENTOS PESADOS NA EDUCAÇÃO E PRESERVAÇÃO DA FAMÍLIA TRADICIONAL.

FELIZ DIA DA CRIANÇA

terça-feira, 2 de outubro de 2012

DIA DO IDOSO - UMA REFLEXÃO INCÔMODA

texto e foto por márcio josé rodrigues 

Ficaram para trás os dias em que a civilização ocidental honrava seus idosos, como fonte de suas origens,  história, sangue e  informações preciosas de experiências aprendidas e vividas.
Numa família nuclear e minimalista atual já não existe um lugar para os idosos em seus pequenos apartamentos apenas suficientes para o casal e um ou dois filhos.
Ou, quem sabe, só um cachorro.
Pior - é que os casais modernos não estão percebendo que o descarte de seus maiores, vem agudizando o chamado “ conflito das gerações” e cairá como asteroide sobre suas cabeças em futura  e breve tragédia  para eles mesmos.
Bisavó Turqueza aos 88 anos cuidando de Maria Antônia em 2004
Estes que em sua geração alimentaram o disparate de se livrar dos seus incômodos idosos e moldaram seus filhos neste comportamento, estão galopando para entrar na fila da vez.
Sua hora está chegando.
Observe o curso da sociedade.
Casas de repouso, asilos, isolamento, lar dos velhinhos, ausência, solidão.
Doença prolongada, hospital, UTI...
Eutanásia?
Por que não?
Quem admite o aborto como um direito de a mulher dispor de seu corpo acima do direito à vida de uma criança, pode admitir a eutanásia como direito de a família dispor de sua casa e seu espaço.
Em breve poderá haver um consenso, em que idoso é um “ser que sofre” e merece a caridade do alívio e uma morte serena.
Mas, no fundo, o idoso, para certas correntes é considerado  um traste.
Atrapalha a família, atrapalha a sociedade, gasta recursos públicos...
Pode ser que quando chegar sua idade, amigo, seus filhos o mandem para uma clínica para receber a misericórdia de uma “morte suave e piedosa”.

Ensine a respeitar o idoso agora, pois você o será amanhã.
Jovem, se conseguir chegar lá, no seu futuro poderá ser pior.
O IDOSO É O REPOSITÓRIO DA SABEDORIA, DO SANGUE E DO AMOR EM SUA CASA.
SANTAS  FAMÍLIAS, AQUELAS QUE OS RESPEITAM E OS AMAM, DANDO-LHES UMA VELHICE DIGNA E HONROSA.

DIA DO IDOSO - ABC PARA UMA MULHER ESPECIAL


Fernando, Marley, Pedro, Vô Márcio,Vó Gracinha, Beatriz, Maria Antônia. Puff
 texto por márcio josé rodrigues


Amor, amizade, aconchego,
Beleza, brandura, bonança
Cumplicidade, cafuné, coragem
Diálogo, delicadeza, dedicação
Energia, enlevo, encanto
Força, feitiço, fé, farol
Graça, garra, garota, gata,
Humildade, humanidade, história
Inteligência, intuição, instinto
Juventude, jura, justiça, joia
Luz, lágrima, lábaro, laço
Mãe, mistério, meiguice
Namorada, ninfa, , nêga
Ombro, oásis, orvalho
Paz, palavra, paixão
Querubim, querência, querer-bem
Razão, riso, retorno
Sabedoria, simpatia, sombra,
Ternura, tronco, teia,
Unidade, útero, ubre,
Vida, verdade, valor
Xodó
Zelo.

segunda-feira, 13 de agosto de 2012

VOTAR É UM DIREITO INALIENÁVEL

Brasão de Armas da cidade de Laguna, Brasil.
 texto, imagem e postagem por márcio josé rodrigues
QUANDO ALGUÉM
DEIXA DE VOTAR,
ANULA SEU VOTO,
OU VOTA EM BRANCO,
ENTREGA SUA LIBERDADE
NAS MÃOS DE UM DESCONHECIDO
TRANSFERE SEU DIREITO DE ESCOLHER
A UMA OUTRA PESSOA QUE DECIDIRÁ EM SEU LUGAR.

PODE SER QUE O ELEITO SEJA EXATAMENTE AQUELE
QUE  MENOS SE QUERIA VER GOVERNANDO
SUA CIDADE E SUA VIDA!

ELEITOR JOVEM
NÃO ABRA MÃO DE 
SEU DIREITO E SUA LIBERDADE


sábado, 11 de agosto de 2012

UMA CADEIRA QUEBRADA

 

                                    texto, foto e postagem por márcio josé rodrigues.

Não me sinto bem escrevendo sobre a figura do pai.

É que tenho uma grande lacuna jamais preenchida em minha vida, pois o meu se foi quando tinha apenas dois anos e sete dias.
O fato de ele ser portador de uma doença grave para época, fez com que eu fosse retirado de sua companhia para viver de favor na casa de amigos e parentes, longe dele.
Os últimos 70 anos de minha existência foram sem a sua querida e necessária companhia e se refletiram drasticamente sobre minha estrutura psicossocial.
Não é fácil, creiam perceber apenas um vazio ao tentar imaginá-lo em minha história, sem poder conta-la ou catar algum tipo de experiência, alguma imagem saudosa.
Embora eu tenha tido um avô muito querido, tios maravilhosos e uma heroína em forma de mãe, aquele vazio não se preencheu nunca.

Em todas as fases, infância, puberdade, adolescência, juventude e até hoje na minha vida adulta, sempre houve esta cadeira de perna quebrada que se desiquilibra cada vez que tento me acomodar.
Mesmo que eu seja um homem religioso, até meu relacionamento com Deus foi abalado. Como um homem que não teve referência de pai, pode moldar em sua mente a figura da paternidade, da bondade e do carinho paternal de Deus?
Ninguém sabe como eu sonho por aquele abraço que se perdeu no século passado.

Na medida do possível, vou lutando ainda e vencendo. Tenho recebido muita luz e muito amor e sou grato por isso.
Peço desculpas aos meus filhos pelo meu tipo de paternidade tumultuada, pois eu não tinha um modelo para seguir. Eles é que foram a minha escola, meu material de laboratório, minhas “cobaias”. Se conseguimos  aproveitar alguma coisa deste rascunho, desta construção sem projeto, foi graças a eles que se salvou alguma coisa, ou melhor, que se salvou tudo, pois mais do que os fiz filhos, eles me fizeram pai.
Verdade é que eu os amo com todas as forças do meu coração, mesmo que seja um pai atrapalhado, mas presente.
Posso dizer que tenho me esforçado em superar minhas barreiras e ser uma pessoa melhor.

Minha experiência, no entanto, me credencia para poder falar com autoridade  aos pais de hoje.
A ausência que você faz a um filho, não pode ser preenchida com nada que você queira ou possa tentar patrocinar.
Não mande presentes a eles.
Faça-se presente!

segunda-feira, 6 de agosto de 2012

NOVIDADES NO CARROSSEL

Maria Alba, Liane, Genário, Dulce, Liones, Márcio e Regina
GRUPO CARROSSEL DAS LETRAS ELEGE NOVA DIRETORIA.
         Texto, postagem e fotos, márcio josé rodrigues

Em reunião realizada na residência da escritora Regina Ramos dos Santos neste domingo 05 de agosto, as 20:30 h a foi eleita e empossada a nova diretoria do grupo literário para o biênio 2012/2014.

Após uma profícua e elogiada gestão de Maria de Fátima Barreto Michels, Regina Ramos dos Santos  foi eleita por unanimidade.

Fátima primou pelo relacionamento mais intenso entre escritores e público além de reforçar os elos de amizade entre os membros
    O grupos Carrossel das Letras descobriu um precioso tesouro.   A fraternidade que acabou envolvendo as famílias, numa experiência muito especial de amizade. Assim ganhamos Lúcia, Gracinha, Antônio, Jairinho, Antônio e Gustavo, que são uma importante força de apoio e valioso carinho.
Também é destaque a participação intensa nos movimentos culturais da cidade e um ótimo relacionamento entre o Carrossel e entidades importantes como República dos Autores, Varal do Brasil (Genebra),  SESC, Fundação Lagunense de Cultura e IPHAN.
.

Compareceram e votaram Manoel Liones Adriano, Maria de Fátima Barreto Michels, Liane Alves Moraes, Genário José Machado, Márcio Rodrigues e Regina Ramos dos Santos.

Os novos membros diretores passam a ser:
Regina   – Presidente
Genário – Vice-presidente
Márcio  – Tesoureiro
Liones   – Secretário
Fátima   – Relações Públicas

O toque de hospitalidade correu por conta de um saboroso café acompanhado de deliciosos bolos e biscoitos e a simpatia da pequena anfitriã Maria Alba (6 anos), um doce, esta nova aquisição.

Liones, Fátima, Maria Alba, Liane e Genário

Maria de Fátima
Regina


terça-feira, 31 de julho de 2012

TÃO LONGE, TÃO PERTO

Café Garibaldi - Laguna, Brasil (foto marcio jose rodrigues0
O escritor e poeta lagunense GENÁRIO MACHADO, da “República dos Autores” reuniu neste sábado (28/07/2012) no aconchegante Café Garibaldi um excelente público para o lançamento da terceira antologia
TÃO LONGE, TÃO PERTO”, trabalho por ele organizado.
O livro contou com a participação dos escritores do grupo CARROSSEL DAS LETRAS de Laguna e também muitos outros de várias cidades, num total de 28 autores.

A edição em prosa e verso traz poemas, crônicas e contos e tem o sabor especial de surpreender o leitor com a mudança rápida de estilos particulares de escrever a cada virada de página.
Além dos textos, a edição conta com primorosa ilustração fotográfica de Maria de Fátima Barreto Michels.

Noite de autógrafos, música de Gero Perito, frio e aconchego nesta data que em Laguna se comemora a o 181º aniversário da edição de “O CATHARINENSE”, primeiro jornal de Santa Catarina em 1831, façanha do Lagunense Jerônimo Francisco Coelho.


Dulce Claudino autografa para o teólogo Jerônimo Herdt e
esposa Rose.
Escritor Genário Machado, o organizador

Gero Perito - animação muisical




Escritores Márcio Rodrigues, João Jerônimo Medeiros,
Liones Adriano e Fátima Michels
Escritores Norma bruno e Flávio Barreto

Graça Rodrigues e Elza Grott

Tony e esposa,  a escritora Heloisa Fernandes
postagem márcio josé rodrigues
fotos dulce claudino , maria de fátima michels e marcio josé rodrigues

segunda-feira, 30 de julho de 2012

NOITE DE GALA OPUS IV

 
Domingo à noite, 29/07 dia da Fundação da cidade de Laguna (1676) uma festa inesquecível fechou a XXXI Semana Cultural.
No auditório do Centro Social e Cultural Santo Antônio, um recital com o grupo musical OPUS IV arrancou aplausos entusiasmados da plateia que teve a graça de ouví-lo.
Com um repertório eclético, do popular ao clássico e de muito bom gosto na seleção, execução instrumental e vocal  primorosas e agradáveis, o grupo proporcionou a nós todos, momentos de muita emoção e alegria.
OPUS IV está maduro e preparado para plateias exigentes e ávidas de boa música.
Fernando Nunes Ilibio( teclado, oboé, violão e voz),Neusa Preus  Duarte (soprano), Rogério Perito (barítono e violão), Julierme Beckhauser Blasius (Violoncelo), são todos relacionados ao Conservatório Lagunense de música e /ou Coral Santo Antônio.

Fernando,Neusa,Rogério e Julierme  - OPUS IV - Laguna,Brasil.
Sras. Graça Rodrigues,  Maria Célia Bernardo da Silva ( pres. da Fundação Lagunense de Cultura) , com  rainha e princesas da XXXI Semana Cultural de Laguna.

Técnica de ultura  Heleine Maria da Silva e monitora Nadine Xavier do SESC Laguna.


Cristina dal Molin, Gorete Godinho e Bárbara Andreadis

Fernando Lopes Fernandes ladeado  por seus filhos acadêmicos da UFSC Gustavo e Fernanda ( engenharia mecânica e medicina)

Químico de alimentos Odilon Corre Garcia, escritor Nino Camilo e maestro Deroci de Oliveira.

quarta-feira, 25 de julho de 2012

DIA DO ESCRITOR BRASILEIRO

Nesta foto  o livro "Datas Históricas de Laguna" é de autoria de Márcio Matos Carneiro.
Texto, fotos e postagem por  márcio josé rodrigues

Ninguém é mais a mesma pessoa depois de ler um livro.

João peregrino Junior e Jorge Amado eram respectivamente o presidente e o vice-presidente da UNIÃO BRASILEIRA DE ESCRITORES em 1960.
Durante o1º Festival do Escritor Brasileiro realizado na data de 25 de julho daquele ano, foi instituído o “DIA DO ESCRITOR”, para comemorar com muita justiça o mérito daqueles que levam pela vida essa missão de escrever.

Como em todas as atividades humanas, há os que se projetaram além das fronteiras locais e influenciaram o pensamento de toda a sociedade humana.
Dostoievski fundou a moderna psicologia com o seu consagrado “Crime e Castigo”, enquanto Goethe provocou o fenômeno conhecido como “le mal de siècle” que levou  muitos dos seus leitores ao suicídio após a leitura  do “clássico”  “Werther” ; o nosso gigante Machado de Assis consagrou-se em retratar a sociedade do Rio de Janeiro do seu tempo, Mário Quintana jamais foi aprovado para a  academia brasileira de letras, enquanto Saul Ulysséa deixou-nos as referências mais confiáveis e sólidas para construirmos um presente fundamentado em nossos valores  locais do passado.

Leon Tolstoi dizia que para alguém ser um grande escritor precisa escrever sobre sua aldeia.

Hoje, portanto vamos saudar as nossas feras locais, poetas, cronistas, contistas, romancistas e teatrólogos e de outros gêneros literários sem, contudo, destacar nomes, pois felizmente lista não caberia neste texto.
No entanto, por pura vaidade, cumprimento os autores do GRUPO CARROSSEL DAS LETRAS, como um caloroso abraço aos escritores de Laguna.




terça-feira, 24 de julho de 2012

TÃO LONGE TÃO PERTO


Organizada pelo escritor e poeta lagunense  JOSÉ GENÁRIO  MACHADO, a antologia  de número 3 da série TÃO LONGE TÃO PERTO, será lançada em comemoração à  SEMANA CULTURAL DE LAGUNA. Local e data , conforme o convite abaixo com acesso a todo o público leitor.



 
texto e postagem por márcio josé rodrigues.

CAFÉ LITERÁRIO


Casa Pinto d'Ulysséa, junto à fonte da Carioca - Laguna, Brasil 
Texto, postagem e foto por Márcio José Rodrigues


Marcado para hoje à tarde, ás 16:00 h, um CAFÉ LITERÁRIO promovido pela Fundação Lagunense de Cultura.
Na ocasião serão debatidos temas relacionados à literatura Lagunense, apresentação de textos  e livros de vários autores.
Várias personalidades convidadas prometem enriquecer o importante evento que contará com  o apoio dos escritores do Grupo Carrossel das Letras.
Este é mais um programa agendado em comemoração à SEMANA CULTURAL DE LAGUNA.