quinta-feira, 28 de novembro de 2013

REQUIEM PARA UMA CIDADE

CÂMARA MUNICIPAL DE LAGUNA ENTREGA PARAÍSO ECOLÓGICO  DO GRAVATÁ À ESPECULAÇÃO IMOBILIÁRIA.

ESPERO QUE O PREFEITO EVERALDO SOS SANTOS TENHA BOM SENSO E CORAGEM DE VETAR ESSE ABSURDO.
(abaixo republico meu canto de luto, " Requiem para uma Cidade"


Foto Ana Barzan

Foto Ronaldo Amboni.

Réquiem para uma cidade
Márcio José Rodrigues

Minha querida cidade
Onde passei minha infância,
Onde colhi a fragrância
Dos dias da mocidade.

Onde plantei os meus sonhos,
Onde sonhei meus amores,
Onde, nas mãos de impostores,
Chegaram dias tristonhos.

Venho encontrar-te em desgraça
Abandonada na rua,
Miserável, pobre e nua
Em tua fria carcaça.

Ao teu cadáver,  a massa
Baixa os olhos, de vergonha,
Toda esta gente pidonha,
Indiferente, que passa.

O que fizeram contigo?
Quem te feriu desse jeito?
Quem rasgou assim teu peito
E te infringiu tal castigo?

Pobre,  mendiga cidade
Das ruas cheias de lixo,
Do " cidadão" que é um bicho,
Que te suga sem piedade.

Seu  caráter,  tão rameiro,
Que mesmo não sendo pobre,
Por umas moedas de cobre
Te vende por vil dinheiro.

Gente que se acha astuta
Faz do voto um rendimento,
Como o gigolô nojento,
Que vive da prostituta.

Só te sobrou esta escória
Para suster teu presente?
O que quer toda essa gente
Que te perdeu a memória?

Ao turvar este teu  brilho,
Ao te cavar teu jazigo,
Na mesma tumba, contigo,
Sepulta seu próprio filho.

Pois, quem mata sua terra,
O próprio destino sela:
Também vai morrer com ela
E a mesma cova o enterra.



5 comentários:

Anônimo disse...

Falou tudo Doc ! Estamos de luto! Rachel

Henrique DA SILVA WENDHAUSEN disse...

OS ABSURDOS QUE O SER HOMEM PRATICA.

Viemos todos do mesmo lugar e inevitavelmente vamos para o mesmo lugar, ai eu pergunto: O que que da na cabeça de um ser dito humano, para mexer num paraíso como o da região do Gravatá? Só posso dar uma resposta, que este dito ser humano, só tem titica na cabeça. Basta olharmos para a foto acima, para percebermos que este espaço é sagrado, aonde o dito ser humano não deve mexer nem por decreto. A população de Laguna que se mecha e vá para cima da politicalha da câmara de vereadores e façam com que os cacos dos vereadores revoguem qualquer ideia que não seja a de se preservar o paraíso do Gravatá.

ATT.
Henrique da Silva Wendhausen - henriquesw13@gmail.com

Henrique DA SILVA WENDHAUSEN disse...

A FORÇA DE UM POVO

Aqui na região de Itajaí, exite um canto paradisíaco como o do Gravatá, chamado canto do Morcego, que se localiza na praia Brava. Aconteceu a mesma coisa, uns cabeças de Bagre apresentaram um projeto para iniciarem um Resort no local, mas a população se uniu, foi para as ruas e o dito projeto acabou engavetado. Que a população de Laguna, tenha a mesma lucides do povo de Itajaí para resolver esta idiotice que estão tentando fazer com o Gravatá.

ATT.
Henrique da Silva Wendhausen - henriquesw13@gmail.com

Clarice Villac disse...

Pungente poema, tomei a liberdade de publicar em:

http://sosriosdobrasil.blogspot.com.br/2013/11/camara-municipal-de-laguna-entrega.html

Afonso Prates da Silva disse...

Meu prezado amigo,

Infelizmente só aprendemos com nossos próprios erros; entretanto há pessoas que mesmo errando, talvez por vaidade, não reconhece sua intransigência, permanecendo no erro.
A destruição da praia do gravatá não será notada por nossa geração, o egoísmo e a ganância de empresários e políticos não estão sendo contidas, aparentemente nem a população sabe medir o efeito destruidor que será, na expectativa de empregos, com as promessas de movimento comercial na região, e faz do povo cúmplice e futuramente o responsável. É triste, mas como solicitaste do mandatário de nossa cidade, também nós esperamos que seja vetado este projeto e que o vento nordeste leve para bem longe da Laguna. Prefeito a vergonha deste triste acontecimento, o acompanhará em toda sua trajetória política. Pense bem, o povo de Laguna acreditou no senhor.