LAGUNA.

NÃO VERÁS LUGAR COMO ESTE.
AMA DE VERDADE
A TERRA EM QUE NASCESTE

quinta-feira, 12 de janeiro de 2017

BOTO PESCADOR MORRE DEVAGAR COM REDES EM SEU CORPO

Amigos de Laguna.
Um boto pescador, o Lagartixa está sendo atormentado por malhas de rede enroladas em seu corpo.
Os fios já lhe estão penetrando na carne que começa a ulcerar.
No entanto ele continua trabalhando com os pescadores e tangendo o peixe para as tarrafas, sem contudo receber nenhuma ajuda.
Este é um momento precioso de comover esta apática Laguna.
VAMOS NOS UNIR EM NOME DO NOSSA COMPAIXÃO.
Este boto precisa ser capturado, conduzido a um baixio, onde possa ser livrado desta tortura que vai acabar matando-o.
Precisamos unir pescadores, canoeiros, esportistas de Iate Clube, Bombeiros com lanchas e jetskys, Polícia Ambiental, Fundação Boto Flipper, Iphan, Colônia de Pescadores Z14, Cento Acadêmico da Faculdade de Pesca UDESC, Poder Municipal.
Já existem bastante pessoas motivadas e emocionadas. Elas só dispõem de muito coração, mas não têm meios de fazer o resgate.

VAMOS AGIR LAGUNA – PÕE TUA COMPAIXÃO A SERVIÇO




OBSERVAÇÃO
É comum animais perderem patas ou morrerem por cordas arrebentadas estrangulando algum membro, como o exemplo da foto.
No caso do boto Lagartixa, a rede de nylon que o estrangula pode durar até 500 anos para se decompor, o que é um caso para futura arqueologia do século XXVI, quando cientistas do futuro descobrirem seu esqueleto enrolado em "antiga rede de pesca do século XXI."
Segundo fui informado o boto estrangulado está sendo "monitorado e se alimenta", segundo a Policia Ambiental.
O que equivale dizer: - DEIXA COMO ESTÁ! ELE VAI MORRER MAS ESTÁ COMENDO.